• Praia da Plengana

    Praias do Concelho de Sines

    Casa nas dunas



Dunas

Envolta em dunas, esconde a encosta escarpada e sedutora – onde é possível passear na baixa-mar.

Passear entre os rochedos

A praia da Plengana situa-se, entre a praia de São Torpes e a praia de Morgavel, na estrada de Porto Covo (M1109).

É muito pequena mas na baixa-mar é possível passear entre os rochedos.



Antirrhinum cirrhigerum

As dunas atingem o auge da sua beleza na primavera.

Beleza ímpar

Forma pequenas poças de água quente que fazem as delícias das crianças.

Uma praia intima, sossegada e pouco frequentada – o que lhe confere privacidade mesmo durante a época alta.

As dunas adjacentes conferem uma beleza ímpar ao local – principalmente na primavera.

Costa alentejana

Um mar de cor – as dunas na primavera.

Esqueça o stress, relaxe e viva a verdadeira “calma” alentejana. Sem pressas nem afazeres, sorria e converse: está no Alentejo. Acolha o charme de uma região e de um povo sui generis.

Pontos de interesse em Praia da Plengana



Booking.com


    • a casinha do rui030 768x511

    A casinha do Rui: vista de mar e cidade

    • 222130618 768x512

    Castle in Blue Apartments

    • casa_do_mar_apartamento_sines0071

    Casa do Mar

Toggle Content goes here

Centro de Saúde de Sines

Morada:Alameda da Paz – Sines

Telefone Geral: 269 870 440

Horário :  de 2ª Feira a 6ª feira  (08:00 – 20:00)

Hospital do Litoral Alentejano 

Av. Gen. Humberto Delgado 17, 7520-144 Sines

LARGO JÚDICE FIALHO N.º 4 B, SINES
7520-999 SINES

Dias úteis : 09:00 – 12:30 , 14:00 – 18:00

Mais impressões da Praia da Plengana

Facebook Comentários bem-vindos
Guida Brito
Author: Guida Brito

Apaixonada pelo Alentejo; escrevo-o de forma sentida e vivida. Abraço e acarinho a simplicidade e a pureza de ser dos meus avós e do meu Pai: é esse o Alentejo que vos conto; o que se esconde entre as flores da primavera e o cheiro das primeiras chuvas. Escrevo o ultimo reduto, o recanto por desbravar; o encanto da ancestralidade que permanece pura e proba no dourado da planície ou nos recortes do litoral. Escrevo: os poejos, a açorda, a janela, a soleira, o cata-vento, a chaminé, o rio, a primavera… escrevo gentes nobres; escrevo o banco da rua; escrevo as tabernas … escrevo lugares; escrevo a simplicidade; escrevo amor. AlentejoTurismo é um sonho; é um conto de uma história real contada no sentar ao fresco, na brandura das quentes noites de verão. AlentejoTurismo é transmissão de conhecimento que o orienta num Alentejo por desbravar. Com carinho. A autora: Guida Brito

© Copyright - AlentejoTurismo.pt