• Labuta

    Expressões Alentejanas (Ana Brissos)




Labuta; expressões alentejanas; Alentejo; Portugal

Carroça; o significado de “labuta” parece ter saído diretamente da boca do pai para o dicionário.

Labuta – Trabalho árduo e penoso

O significado de “labuta” parece ter saído diretamente da boca do pai para o dicionário.

A labuta era árdua, difícil, e pouco rentável.

O pai saía de madrugada, norteado pelo nascer do sol e regressava depois dele se pôr.

Labuta; Expressões Alentejana;vacas; Alentejo; Portugal; AlentejoTurismo

A Peralta e a Fidalga ou a Namorada e a Retinta, de raça vermelha e robusta.                                    

A labuta carregava, nos braços, a Natureza

A labuta envolvia muito esforço, carregava-se nos braços a natureza, em grande respeito, e era dela que se tirava a sobrevivência, os sonhos e desventuras, num continuo desafio à existência.

O ciclo era tão duro quanto belo. Envolvia o arranjo da terra, auxiliado pelas juntas de vacas.

A Peralta e a Fidalga ou a Namorada e a Retinta, de raça vermelha e robusta, de canga ao lombo e charrua a reboque, comandadas pelo pai e pela aguilhada que as fazia andar sempre em frente, sem hesitações.

Labuta; Expressões Alentejanas:; moulim; Alentejo; Portugal

A Peralta e a Fidalga ou a Namorada e a Retinta, de raça vermelha e robusta, de canga ao lombo e charrua a reboque, comandadas pelo pai e pela aguilhada que as fazia andar sempre em frente, sem hesitações.

Semeava-se o pão que alimentaria os parcos sonhos

Elas lavravam e gradavam a terra. Depois semeavam o pão que nos mataria a fome e alimentaria os parcos sonhos.

Entretanto dava-se a monda e a ceifa, feita pelos ranchos de mulheres que entre o suor e os cânticos transformavam a dureza da tarefa em quadros de beleza ímpar.

A labuta era uma luta constante de incertezas, sem horas, sem férias e sem rede, ao sabor da natureza, da semente, da terra, da saúde e da sorte, num país sem horizontes e sem liberdade.

Ana Brissos

22/02/2021



Pontos de interesse no Alentejo



Booking.com

Alojamentos recomendados por alentejoturismo.pt

    • casa da ti catrina004 768x576

    Casa da Ti Catrina

    • a casinha do rui030 768x511

    A casinha do Rui: vista de mar e cidade

    • 222130618 768x512

    Castle in Blue Apartments

    • monte_da_redonda_uma_historia_de_amorDJI_0851_2

    Monte da Redonda: uma história de amor

    • monte_da_azinheira_grande_concelho_de_ferreira_do_alentejo0591

    Monte da Azinheira Grande

Mais impressões de “Labuta”

Escreva o seu comentário.




Facebook Comentários bem-vindos
Guida Brito
Author: Guida Brito

Apaixonada pelo Alentejo; escrevo-o de forma sentida e vivida. Abraço e acarinho a simplicidade e a pureza de ser dos meus avós e do meu Pai: é esse o Alentejo que vos conto; o que se esconde entre as flores da primavera e o cheiro das primeiras chuvas. Escrevo o ultimo reduto, o recanto por desbravar; o encanto da ancestralidade que permanece pura e proba no dourado da planície ou nos recortes do litoral. Escrevo: os poejos, a açorda, a janela, a soleira, o cata-vento, a chaminé, o rio, a primavera… escrevo gentes nobres; escrevo o banco da rua; escrevo as tabernas … escrevo lugares; escrevo a simplicidade; escrevo amor. AlentejoTurismo é um sonho; é um conto de uma história real contada no sentar ao fresco, na brandura das quentes noites de verão. AlentejoTurismo é transmissão de conhecimento que o orienta num Alentejo por desbravar. Com carinho. A autora: Guida Brito

© Copyright - AlentejoTurismo.pt